Artesão japonês fabrica bicicletas de madeira feitas à mão e sob medida

Morador de Tóquio, Sueshiro Sano vem de um longo legado de construção naval – no entanto, agora ele está usando suas habilidades manuais para projetar e produzir belas bicicletas de madeira sob medida.

Sano costume constrói cada bici com madeira leve e demora um período de três meses para terminar um modelo. Uma vez que cada magreza é feita sob medida, utilizando técnicas de carpintaria consagradas pelo tempo, elas podem ter um valor alto.

 

Imagens: Reprodução

Mobiliário feito à mão celebra a tradição do artesanato em países latino-americanos

A tradição do artesanato em países da América Central e do Sul é muito forte. Artesãos muito habilidosos e talentosos criam objetos de grande beleza e rico valor cultural. Nesta linha de pensamento, o estúdio mexicano de design Shift lança uma coleção de móveis que funde artesanato e tecnologia.

São quatro peças triangulares feitas de materiais naturais, como madeira e couro, cuidadosamente montadas e costuradas à mão por artesãos. A coleção não é apenas uma homenagem à cultura da América Latina, mas também uma celebração das habilidades dos artesãos locais.

[imagebrowser id=102]

Via Inhabitat
Imagens | Reprodução

Móveis feitos a partir de barris de vinho reutilizados

Em San Patrignano, um dos maiores centros de reabilitação de usuários de drogas da Europa, os jovens em recuperação participam de um programa de reutilização de madeira para criar móveis com design de arquitetos e designers talentosos.

No melhor estilo upcycling, o programa, chamado Barrique, usa a madeira de barris de vinho antigos para criar as peças. Cada móvel – da cadeira de balanço de Angela Missoni até o lindo berço Letizia – utiliza um tonel de 230 litros de carvalho francês. Após os barris serem usados ​​por um período máximo de cinco anos no envelhecimento do vinho, eles são enviados para a oficina e transformados em mais de 34 obras diferentes.

O catálogo está disponível para download, e as compras podem ser feitas através do site da Barrique.

[imagebrowser id=86]

Imagens: Reprodução

Estúdio de design reutiliza prédio abandonado e faz hotel com quartos portáteis

O estúdio de design do Grupo Arco transformou um prédio em desuso no centro de Moscou em um hotel modular, preenchendo o espaço com quartos Sleepbox que são portáteis e feitos de madeira certificada. Os módulos individuais ou para duas pessoas foram utilizados em todos os quatro andares, que inclui uma área de recepção, lobby, chuveiro separados e cabines sanitárias.

O Sleepbox Hotel Tverskaya é uma mistura de hotel e hostel e é uma opção econômica numa localização privilegiada, perto do Kremlin. Cada um dos módulos ​​podem acomodar confortavelmente uma ou duas pessoas. No interior, os quartos são iluminados com luzes LED, com tomadas elétricas extra para carregar dispositivos ou conectar laptops. Uma maneira inteligente de reaproveitar um espaço antes abandonado.

[imagebrowser id=85]

Fonte: Inhabitat
Imagens: Reprodução

Cabanas ecológicas são construídas na Venezuela apenas com material local

Uma solução confortável e barata de habitações para a Venezuela foi projetada aproveitando apenas materiais locais. As Cabanas Eco se baseiam na arquitetura indígena da região e são construídas sobre estacas de concreto e armações de madeira.

As paredes de vidro reciclado permitem a entrada natural de luz no ambiente. Para construí-las foram coletadas garrafas de cerveja e licor e transformadas em um vidro sólido. As telhas de metal corrugado, típicas do local, foram colocadas em ângulos opostos nos telhados. Este design angular não só cria sombra para as varandas de frente e de trás da casa, como também funciona como funil para a reutilização da água da chuva.

[imagebrowser id=77]

Fonte: Inhabitat

Marca transforma skates reciclados em relógios, óculos e capas para Iphone

Second Shot é uma empresa que nasceu da paixão de um canadense por skate e sua cultura. Criada por John Gibson, a marca usa os shapes que seriam descartados por estarem quebrados ou esquecidos e confecciona produtos com eles.

A coleta é feita com os skatistas locais, em pistas de skate e lojas. Após a coleta, a lixa, que cobre o shape, é removida e os carrinhos reciclados estão prontos para serem cortados, lixados e receberem uma segunda chance.

No site da marca, John explica que dos pedaços de diferentes skates comprimidos juntos renasce uma madeira bem colorida que pode ser transformado em qualquer coisa. No caso da Second Shot, ele vira relógios, capa para iphone, óculos e chaveiros.

second-shot-recycled-skateboard-wear-12.jpeg.492x0_q85_crop-smart

Imagem: pedrosimoes7 via Compfight cc< / divulgação

Designers japoneses criam Lego de madeira

Designers japoneses criam uma versão inspirada no Lego que é lúdica e biodegradável. Feitos de madeira, os famosos blocos de plástico mantêm os tons naturais da matéria-prima dando uma aparência de tijolo.

Além de ser um produto funcional e ecológico, o brinquedo de madeira faz com que as crianças também reflitam sobre as inconsistências existentes entre o mercado de produtos naturais e manufaturados.

Imagem: Divulgação

Marcas brasileiras produzem óculos de madeira reaproveitada

Duas empresas brasileiras encontraram na madeira reaproveitada uma excelente matéria-prima para produzir óculos com pegada ecológica. Além do pensamento sustentável, ambas as marcas criam as peças com olhar para o design contemporâneo e funcional.

Produzidos manualmente, os óculos da paulistana Leaf são feitos de madeira 100% brasileira e reutilizada, que é adequada para resistir ao sol, a umidade e outras variações climáticas que poderiam prejudicar o produto. Sob o lema: “ver a natureza com outros olhos”, a marca une estilo, qualidade e sustentabilidade. Neste sábado, e empresa lança uma nova série em parceria com o artista Flávio Sponton. Veja no vídeo o processo criativo ligado ao meio ambiente:

O Zerezes é um coletivo de design que aborda o descarte com um olhar diferente, buscando resignificar aquilo que deixou de ser útil. O primeiro projeto são os óculos com estilo retro feitos de tacos de madeira reaproveitados. Em parceria com o estúdio Fibra Design, a marca alia responsabilidade socioambiental e alta tecnologia a um processo manual criterioso. Confira:

Imagem: Divulgação

Responsabilidade social e ambiental nos fones de ouvido da LSTN

Baseada em Los Angeles, a LSTN é uma empresa pequena que fabrica headphones de madeira reciclada. O material é coletado com fabricantes de móveis e é salvo do descarte em aterros sanitários. Segundo o site, a madeira tem melhor ressonância e acústica sonora do que o metal ou o plástico.

Além da experiência musical eco-friendly, a marca fez uma parceria com a Sound Seekers e uma parcela do lucro de cada fone de ouvido vendido é destinada a financiar clínicas que dão suporte e tratamento para surdos na África e na Índia.

E as boas ações não param por aí. A LSTN também ajuda a comunidade local ao doar uma parcela dos rendimentos para a Tracy John Clinic. A clínica fornece aparelhos auditivo e oferece serviços de desenvolvimento educacional para crianças com perda auditiva.

Imagem: Divulgação

Designer cria teclado sem fio feito de madeira e musgo

Algumas empresas de tecnologia já lançaram no mercado teclados para computadores feitos de madeira com características eco-friendly. A diferença entre estas peças e a criada pelo designer Robert Tilton é que além da madeira, ele usou musgos para cobrir a parte externa do produto e aproveitou para abrir um diálogo entre a possibilidade de unir tecnologia e natureza.

Inspirado no modelo de teclado sem fio da Apple, Robert desmontou o molde para que as peças de madeira fossem desenhadas no mesmo padrão. Assim, conseguiu manter as funcionalidades, a qualidade e o conforto ao usuário.

A peça orgânica feita em madeira exigiu cuidados específicos para que o material pudesse ser manuseado com facilidade pelo designer e ainda assim mantivesse a durabilidade esperada. Até mesmo os detalhes internos e o sistema foram refeitos por Tilton.

Ainda não existe previsão de que o teclado “verde” seja produzido em grande escala para a comercialização.

[imagebrowser id=24]

Fonte: Com informações do site Ciclo Vivo
Imagens: Divulgação